No icon

Por: Vena Comunicação

Carreiro e Capataz anunciam a gravação “Essência Bruta”, o novo projeto audiovisual

Registro será na cidade de São José do Rio Preto, no interior paulista, no dia 13 de setembro, e chega para ser um marco no mercado sertanejo e na carreira dos artistas que perpetuam a verdadeira cultura caipira através das canções interpretadas

Ao longo dos anos o sertanejo evoluiu. O gênero, que um dia foi subjugado, se tornou o mais ouvido do país. O que foi plantado no passado por grandes ícones da música está sendo colhido agora.

Claro, com a evolução, novos ritmos foram atribuídos ao grande caldeirão musical. Dentro desse universo plural, onde tudo se torna possível, existem aqueles que preferem manter viva a cultura tipicamente caipira. O som tão particular do interior do Brasil ainda é reproduzido de forma primorosa por artistas que, contrariando o fluxo do mercado, optam por honrar seus antepassados, precursores para o que se entende, de fato, por sertanejo. Dentro do seleto time estão Carreiro e Capataz que não escondem o amor e a devoção a Tião Carreiro e Pardinho.

Essência Bruta foi o nome escolhido pelos cantores para o novo projeto audiovisual que será gravado na cidade de São José do Rio Preto, no interior paulista, no dia 13 de setembro, no espaço Vila Imperial. “O Brasil é sertanejo e somos felizes com esse legado que assumimos de forma carinhosa e muito responsável. Essência Bruta tem esse peso nas nossas histórias, pessoais e profissionais, um momento extraordinário, de retomada do mercado, honrando e celebrando a vida, a música, os que vieram antes de nós e aqueles que ainda vão chegar. Fica aqui o nosso convite. Mais que uma gravação, é uma comemoração da música sertaneja e sua grande vitória ao longo dos anos. Resistimos, evoluímos e estamos aqui, mais fortes do que nunca”, dizem Carreiro e Capataz.

Majestoso, mas sem perder a origem, Essência Bruta trará 15 faixas divididas entre autorais e regravações, e muitas participações especiais. A produção musical ficará sob o comando de Zé Renato Mioto, que coleciona incontáveis hits no mercado. O projeto de cenário será de Douglas Caetano e a direção de imagens, de Jacques Junior.

A escolha por registrar Essência Bruta em São José do Rio Preto se deve ao fato da cidade ser muito acolhedora, tanto para Carreiro, que nasceu em Esmeralda (SP), como para Capataz, que veio de Cuiabá (MT). Foi ali, no interior paulista, que o caminho de ambos se cruzou para o duo que mistura o talento e qualidade técnica.

Conhecidos nacionalmente como “Os Brutos do Brasil”, Carreiro e Capataz traduzem a essência do sertanejo raiz, não apenas pelo repertório repleto de história, mas pela união da viola, no pagode caipira, com as vozes inconfundíveis que o Brasil aprendeu a amar.

Modernos sim, mas sem perder a tradição! Este é o lema de Carreiro e Capataz! Ao mesmo tempo que a dupla se orgulha por manter viva a cultura sertaneja, dando ênfase ao som peculiar da viola caipira em diversos tributos, como “De Volta às Origens 1 e 2”, aposta em canções bem-humoradas. “Roça de Motel”, que fará parte de Essência Bruta, é um belo exemplo ao lado de “Sarra Viola”, um dos grandes sucessos de carreira.

A discografia de Carreiro e Capataz traz os álbuns “Ainda Mais Brutos”, de 2014, “Lado A e Lado B”, vol. 2, de 2016, “Sarra Viola”, de 2018, “De Volta às Origens”, vol. 1 e 2, de 2018, e inúmeros singles, sempre primando pela identidade musical.

Os sucessos conquistados ao longo dos anos contabilizam números impressionantes nos aplicativos de música e canal oficial da dupla no YouTube.

Em São José do Rio Preto, os cantores, mais uma vez, deixarão seus nomes marcados na história da música sertaneja. E é assim, levando a bandeira do segmento, que Carreiro e Capataz provam que é possível ter êxito preservando a musicalidade autêntica que não lhes rendeu apenas o sucesso profissional, mas entregou a cada um deles o amor, a verdade e a vida.

Os ingressos para a gravação de Essência Bruta estão disponíveis em https://baladapp.com.br/a/dvd-essencia-bruta-carreiro-e-capataz-sao-jose-do-rio-preto-sp-13-de-setembro-de-2022/2929

“Resistimos, evoluímos e estamos aqui, mais fortes do que nunca”
(Carreiro e Capataz)

Comment